Prefeitura de Itabira concederá cartão-alimentação a famílias carentes - TV Canal Dom Silvério

Prefeitura de Itabira concederá cartão-alimentação a famílias carentes

Share This

As famílias em vulnerabilidade social que recebem cestas básicas do Município terão, a partir de 2020, o benefício substituído por um cartão magnético para a compra dos alimentos, do tipo vale-alimentação. O Governo Municipal alinha a implantação do serviço com a empresa que venceu a licitação, a Itacard, e a expectativa é que a entrega dos cartões ocorra no mês de fevereiro.
prefeito Ronaldo Magalhães destaca que a mudança dará autonomia aos usuários e movimentará o comércio local, já que até agora as famílias recebem cestas com itens definidos – comprados por meio de licitações, por vezes vencidas por empresas de fora. No próximo ano, os usuários terão a liberdade de escolher os produtos que melhor atendem suas necessidades.
“É mais um avanço em nossa política de assistência social e beneficia sobretudo aqueles que mais precisam. Cada família poderá ir ao mercado com total autonomia de levar o arroz ‘a’ ou ‘b’, por exemplo, ou não levar o arroz, se tiver estoque em casa e comprar outro produto, inclusive verduras e frutas. Dessa forma valorizamos também nossos comerciantes – todos são beneficiados”, reforçou Ronaldo.
Otimização
Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Maria Marli de Oliveira, o feito otimiza ainda o trabalho da administração pública. “Para a entrega das cestas básicas existem questões como armazenamento e conferência dos alimentos, logística de entrega e outros desafios”, citou.
O cartão terá valor inicial de R$ 113 por família (a quantia é inclusive maior que o preço médio das cestas básicas, de R$ 95) e sua carga e recarga funcionarão da mesma forma como é gerida a distribuição da cesta. O benefício atende usuários cadastrados e acompanhados por técnicos dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) e Centro de Referência Especializado de Atendimento à Mulher (Cream) – seções da Secretaria Municipal de Assistência Social.
Aproximadamente 375 famílias (dado flutuante) são assistidas mensalmente com as cestas e receberão os cartões. A mudança do beneficio está amparada por lei autorizativa e decreto de regulamentação.

Nenhum comentário:

Receba Notícias Pelo Whatsapp

 Anuncie Aqui no TV Canal