Reação aos efeitos da pandemia na Educação será o principal desafio do próximo ministro - TV Canal Dom Silvério

Participe nossa grupo

 Anuncie Aqui no TV Canal

Reação aos efeitos da pandemia na Educação será o principal desafio do próximo ministro

Share This

O terceiro ministro da Educação do governo Jair Bolsonaro chegará à pasta em cenário crítico. O coronavírus levou ao fechamento de escolas, exige esforços para manter o ensino e acarretará em queda de recursos. O ministério não cumpriu até agora papel de protagonista na articulação para enfrentamento da crise. O MEC tem sido praticamente ausente na manutenção de aulas remotas e na definição de protocolos de retorno às aulas, e – fato considerado mais grave – não criou qualquer linha de financiamento para mitigar os efeitos da pandemia. Considerado como principal desafio imediato do novo ministro, a emergência imposta pela covid-19 para a educação pública sintetiza o estágio atual do MEC. A desarticulação com as redes de ensino e a pouca atenção para o financiamento, porém, já são marcas do MEC desde o início do governo. Até quinta-feira (18), o ministério era comandado por Abraham Weintraub. Ele foi demitido por Bolsonaro após a crise gerada por ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF).


Nenhum comentário:

Facebook